Piada: Terapia Sexual – Como sair Lucrando…

TERAPIA SEXUAL

Um casal de contadores chega ao consultório de um médico terapeuta sexual.
O médico pergunta:
– O que posso fazer por vocês?
O jovem contador responde:
– Você poderia ver a gente transando!
O médico olha espantado, mas concorda.
Quando a transa termina, o médico diagnostica:
– Não há nada errado na maneira como vocês fazem sexo.
E então, cobra R$ 70,00 pela consulta.
Isso se repete por várias semanas!
O casal marca um horário, faz sexo sem nenhum problema, paga o médico e deixa o consultório. Finalmente, o médico, intrigado com aquele fetiche sexual, resolve perguntar: – O que vocês estão tentando descobrir?
E o jovem contador explica matematicamente:
– Nada. O problema é que ela é casada e eu não posso ir à casa dela. Eu também sou casado e ela não pode ir até minha casa. No Motel Dunas, um quarto custa R$ 120,00. No Motel Ebony custa R$ 100,00. Aqui nós transamos por R$ 70, 00, tenho acompanhamento médico, descolo um atestado, sou reembolsado em R$ 42,00 pela UNIMED e ainda consigo uma restituição do IR de R$ 19,20. Tudo calculado, o custo é de só R$ 8,80!
Um contador desses merecia o emprego de Ministro da Fazenda…

Chocolate faz Bem à Saúde, mas não em excesso…


A revista Men’s Health traz algumas dicas interessantes sobre o Chocolate: Chocolate em excesso acaba com suas pretensões de perder ou manter o peso. Mas consumido moderadamente pode agir a favor do seu corpo.

O flavonóide (antioxidante) que se encontra na semente do cacau neutraliza os radicais livres e atua na manutenção das células saudáveis e do coração.

Recentemente um estudo britânico mostrou que ele também retarda o envelhecimento.

Quanto mais escuro for o chocolate, mais flavonóides. Segundo a Sociedade Brasileira de Alimentos Funcionais, o chocolate escuro ajuda a tratar a diabetes, derrame, e em breve será matéria prima para novos remédios.

O chocolate amargo é o menos calórico e o branco é o que possui mais calorias.
A melhor hora para consumir chocolate é pela manhã ou no início da tarde, quando o corpo precisa de mais energia e o gasto de calorias é maior.

Exercícios aeróbicos ajudam na queima. Doses pequenas à noite não fazem mal.
O triptofano (substância presente no chocolate) aumenta a produção de serotonina, o neurotransmissor relacionado ao bem-estar.

Portanto consuma moderamente chocolate que ele também irá contribuir para sua saúde.

Fonte: Revista Men’s Health

Publicado em Saúde. Leave a Comment »

Criança sem cérebro completa um ano de vida desafiando as previsões

Fotos Celio Messias e Joel Silva/Folha Imagem

Amanhã, dia 20 de novembro a menina Marcela de Jesus Galante Ferreira vai completar 1 ano de vida. Ela é um bebê gordinho que ouve, sorri, reage à luz, senta-se normalmente, emite sons e tenta ficar de pé. Esses poderiam ser os indicativos de que Marcela fosse uma criança normal mas infelizmente não é.

Ela é portadora de uma anomalia congênita chamada anencefalia, ou ausência de cérebro, confirmada por exame de ressonância magnética feito na semana passada. Embora alguns especialistas ainda questionem o diaganóstico de anencefalia devido às atividades exercidas pela crianaça.

O bebê resiste resiste graças às funções básicas mantidas pelo tronco encefálico, a única estrutura do sistema nervoso de que dispõe. Composto de fibras nervosas, o tronco encefálico garante os batimentos cardíacos, a respiração e alguns movimentos de sucção. Nada mais. Os bebês anencéfalos, em geral, não duram mais do que três semanas. Marcela é um caso raro na medicina.

Seu caso estimula ainda mais o protesto de grupos anti-aborto já que a justiça permite a interrupção da gestação quando é diagnosticada a anencefalia. Marcela foi, inclusive, o símbolo de uma passeata antiaborto organizada em São Paulo, em março passado, que reuniu 5.000 fiéis católicos, espíritas e evangélicos. O geneticista Thomaz Gollop, especialista em medicina fetal do Hospital Albert Einstein afirma que “É impossível prever quanto o corpo da garotinha vai resistir. Mas é certo que a sua deformidade é absolutamente letal e, contra ela, não há escapatória”.. Para a medicina, Marcela é apenas uma exceção por sua resistência acima da média esperada para casos similares.

LEIA A MATÉRIA COMPLETA NESTE LINK

Foto e video da Menina com 4 braços e 4 pernas

Após uma exaustiva cirurgia de 24 horas, cirurgiões indianos liderados pelo médico Sharan Patil tiveram êxito na operação de uma menina de dois anos que nasceu com quatro braços e quatro pernas.

A equipe de 30 cirurgiões da cidade de Bangalore removeram os membros extras e conseguiram preservar seus órgãos além de terem reconstituído a região pélvica da criança.

Por receio dos moradores da população local que é extremamente supersticiosa e já estarem considerando a menina uma reencarnação de uma deusa hindu, os pais da criança a mantinham escondida em sua casa numa área rural ao norte da índia. Houve inclusive propostas de comprá-la para exibi-la num circo.

A pequena Lakshmi nasceu unida pelo pélvis a uma “gêmea parasita” que parou de se desenvolver no útero da mãe. O feto sobrevivente absorveu os membros, rins e outros órgãos do feto subdesenvolvido. As chances de sobrevivência neste raro caso da medicina eram boas devido ao fato de que a menina não estava unida ao outro feto pelo coração ou cérebro.


Após uma noite inteira de esforços, neurologistas conseguiram separar as espinhas unidas, enquanto cirurgiões ortopedistas removiam a maior parte da “parasita”, separando órgãos e estruturas que pertenciam a Lakshmi.

Mas as complicações foram ainda maiores. Os médicos além de reconstituir a parte inferior do tronco da menina, tiveram que transplantar um rim bom da gêmea em Lakshmi. Os médicos adiantam que mais adiante ela precisará de nova cirurgia para dar uma forma normal aos pés, permitindo que ela caminhe sem problemas.

Pessoas nascidas com deformidades no interior da Índia são muitas vezes vistas como reencarnações de divindades.

Lakshmi foi batizada com o nome da deusa hindu da boa sorte, cuja aparência é retratada com quatro braços.Segundo contou seu pai ela é tratada como uma deusa na vila.
Assista abaixo o vídeo sobre a cirurgia da menina:

Via: REPÓRTER DIÁRIO

Pisada na bola da Turma do Pânico

Achei uma tremenda pisada na bola a turma do pânico fazer aquelas misturas com o leite e darem uns aos outros para beber durante o programa.
Prá quem não viu, o que aconteceu é que insistiram durante vários minutos na idéia absurda de que se misturarmos qualquer coisa no leite na proporção de 30% não será perceptível e pode-se consumir sem maiores problemas. Aí foram misturando perfume, óleo de motor, espuma de barbear, restos de barba, batom, e outras porcarias no leite. Batiam no liquidificador para misturar e passavam a incentivar os colegas a tomarem a estranha bebida resultante.

Pois essa brincadeira estúpida, se é que foi feita realmente (tenho minhas dúvidas) poderia ter causado sérios problema de saúde em qualquer um dos participantes do programa. Mas até aí tudo bem. Cada um toma o que quiser e se quiserem tomar veneno de rato com o leite o problema é deles.

Mas o que não pode é sair insinuando e falando na TV que se pode misturar qualquer coisa no leite que pela natureza do produto ele vai neutralizar qualquer efeito maléfico. Tudo pode ter sido uma grande ironia, mas um adolescente ou mesmo criança que estivesse assistindo pode vir a fazer a mesma experiência e terminar parando num hospital ou coisa pior.

Aí vão dizer: Problema dos pais que deixam crianças acordadas até essa hora… É hipocrisia achar que nenhuma criança ou adolescente assisite ao programa.

A brincadeira de mal gosto pode muitas vezes ter resultados desatrosos. Lembram da vez que alguns garotas se incendiaram ao tentar repetir uma prova do domingão do faustão? Pois é….

A Sabrina Sato tomou o leite com perfume depois de tanto insistirem e ficou com a garganta ardendo. A mulher Samambaia tomou leite com óleo de motor de automóvel e depois ficou reclamando que tinha um gosto de óleo na boca. Outro tomou leite com batom, creme de barbear,etc e por aí foram naquela besteira que cheguei a mudar de canal.

Ainda bem que não misturaram methanol como aconteceu há alguns anos com uma cachaça que terminou matando umas 15 pessoas por esse Brasil afora.

Homem à beira da Morte Aposta Que Vai Sobreviver

O ex-vendedor de carros de 58 anos Jon Mathews recebeu em abril do ano passado uma notícia desanimadora: Ele é possuidor de uma forma rara de câncer de pulmão relacionada ao asbesto (amianto) chamada Mesothelioma e teria apenas mais nove meses de vida.

Os médicos lhe disseram pra nem mesmo fazer planos para o Natal e guardar uma certa quantia para seu próprio funeral. Junto com o triste diagnóstico lhe foi informado que o recorde de sobrevivência de pacientes nas mesmas condições que ele era de 25 meses.

Diante da notícia Jon, que tem um filho de 29 anos, disse “A notícia me deu algo para me agarrar. Eu vou superar esta marca e vou fazer isso com uma atitude positiva.”

Ele manteve-se ocupado e quando a data fatídica do diagnóstico passou ele pediu para o bookmaker William Hill para que estabelecesse suas chances de sobrevivência até 1 de Junho de 2008, data em que ele bateria o recorde.
Depois de consultar os médicos Hill definiu as chances em 50/1 e Jon apostou 100 libras.

“Estou determinado a sobreviver” disse Jon que caso consiga bater este recorde ganhará 5 mil libras.

Via: THE SUN

Como os Pensamentos Negativos e Positivos Afetam seu corpo

Pensamentos negativos afetam seu corpo.
Siga os passos e saiba como os pensamentos negativos afetam seu corpo.

PASSO 1

” Você tem um pensamento.
” Seu cérebro libera agentes químicos.
” Uma transmissão elétrica atravessa seu cérebro.
” Você se torna consciente do que está pensando.

Os pensamentos são reais e eles têm um impacto real no seu modo de sentir e se comportar.

PASSO 2

Observe como os pensamentos negativos afetam seu corpo.

Toda vez que você tem um pensamento bravo, triste, mal-humorado, seu cérebro libera agentes químicos que fazem seu corpo se sentir mal (e ativam seu sistema límbico profundo).

Pense na última vez em que esteve zangado.

Como sentia que seu corpo estava?

Quando a maioria das pessoas está brava, seus músculos tornam-se tensos, seu coração começa a disparar e as mãos começam a suar, e elas podem até começar a se sentir um pouco tontas.

Seu corpo reage a todos os pensamentos negativos que você tem.

PASSO 3

Observe como os pensamentos positivos afetam seu corpo.

Toda vez que você tem um pensamento bom, feliz, esperançoso ou gentil, seu cérebro libera elementos químicos que fazem com que seu corpo se sinta bem (e esfrie seu sistema límbico profundo).

Pense na última vez em que teve um pensamento feliz.

Como sentiu seu corpo? Quando a maioria das pessoas está feliz, seus músculos relaxam, seu coração bate mais lentamente.

Seu corpo também reage a seus bons pensamentos.

PASSO 4

Observe como seu corpo reage a cada pensamento que você tem.

Durante o tratamento com o detetor de mentira (polígrafo), a pessoa está ligada a um equipamento que mede a temperatura da mão, os batimentos cardíacos, a pressão sangüínea, o ritmo respiratório, a tensão muscular e o quanto as mãos suam.

Toda vez que alguém faz perguntas do tipo: “Você mentiu?”, se a pessoa tiver mentido , seu corpo provavelmente vai exibir uma reação de “estresse”.

Suas mãos ficarão mais frias, o coração vai disparar, a pressão sangüínea vai subir, a respiração ficará mais rápida, os músculos vão enrijecer e suas mãos vão suar mais.

As reações ocorrem quase que imediatamente, diga a pessoa alguma coisa ou não.

Lembre-se: o sistema límbico profundo é responsável por traduzir nosso estado emocional em sentimentos físicos de relaxamento ou tensão.

O oposto também é verdade. Se o sujeito não mentiu, é provável que seu corpo sinta uma resposta de relaxamento. A reação será contrária.

De novo seu corpo reage aos seus pensamentos. Isso acontece não só quando lhe pedem para que você diga a verdade, mas a todos os pensamentos que tenha, quer se trate do trabalho, de amigos, da família ou de qualquer outra coisa.

PASSO 5

Considere os maus pensamentos como poluição.

Os pensamentos são poderosos. Cada célula do seu corpo é afetada por todos os pensamentos que você tem.

Quando as pessoas estão emocionalmente abaladas desenvolvem sintomas físicos, como dores de cabeça ou de estômago. Se pensar sobre coisas boas vai se sentir melhor.

Um pensamento negativo é como poluição no seu organismo, poluem seu sistema límbico profundo, sua mente e seu corpo.

PASSO 6

Entenda que seus pensamentos automáticos nem sempre lhe dizem a verdade.

A menos que você pense sobre seus pensamentos, eles se tornam automáticos; eles simplesmente acontecem.

Mas mesmo que seus pensamentos aconteçam, não quer dizer que eles estejam necessariamente corretos.

É importante pensar sobre seus pensamentos, para ver se eles o estão ajudando ou prejudicando.

PASSO 7

Responda ao PAN(Pensamentos Negativos Automáticos)

Uma maneira de aprender como mudar seus pensamentos é observar quando eles são negativos e responder a eles, como explicarei abaixo.

Quando você apenas pensa pensamentos negativos, sem desafiá-los, sua mente acredita neles e seu corpo reage a eles.

Quando você os corrige afasta o poder que eles têm sobre você

PASSO 8

Extermine o PAN(Pensamentos Negativos Automáticos)

Sempre que você observar esses pensamentos negativos automáticos(PAN) ou Formigas, você precisa esmagá-los, senão eles vão estragar seus relacionamentos, sua auto-estima e seu poder pessoal.

Uma maneira de esmagar essas “Formigas” é anotá-las e responder a elas. Por exemplo, se você se pegar pensando “Meu marido nunca ouve”, escreva isso.

Depois escreva uma resposta racional, alguma coisa do tipo: “Ele não está me ouvindo agora, talvez porque esteja distraído com alguma outra coisa. Ele muitas vezes me ouve”.

Quando você escreve pensamentos negativos e responde a eles, você tira o poder que eles têm e se ajuda a ficar melhor. Os pensamentos, às vezes, mentem para você. É importante checá-los antes de já ir acreditando neles!

Fonte: http://www.medicina.ufg.br/ Site Médico

Triglicerídios Alto: O que devo comer agora?

Já vinha me conscientizando há algum tempo da necessidadde de redução de peso. Dieta e exercícios, a velha dupla sempre funciona nesses casos.

Aditivos no Refrigerante aumentam a Hiperatividade nas Crianças

Cientistas ingleses concluem que certos aditivos químicos encontrados em alimentos podem piorar o comportamento hiperativo em crianças na idade de 3 a nove anos.

Uma equipe da Universidade de Southampton afirmou esta semana que testes em mais de 300 crianças mostraram diferenças importantes em seus comportamentos ao ingerirem refrigerantes contendo corantes e conservantes artificiais.

“Estas descobertas mostram que esse efeito não afeta apenas crianças que já tenham um alto grau de hiperatividade, mas também pode ser percebido tanto em indivíduos com qualquer grau de hiperatividade quanto na população em geral” afirmaram os pesquisadores em seu estudo publicado pelo  Lancet Journal.

A equipe do Dr Jim Stevenson que tem estudado os efeitos causados nas crianças pelos aditivos usados pela indústria alimentícia, fez duas misturas para serem testadas em um grupo de crianças de 3 anos e num segundo grupo composto de crianças com idade de 8 a nove anos.

CLIQUE AQUI E LEIA A MATÉRIA COMPLETA

Área do cérebro pode explicar mania de guardar ‘coisas inúteis’

Pessoas que acumulam itens aparentemente inúteis podem colocar a culpa em uma área de seus cérebros.
(B.B.C.) Uma equipe de pesquisadores da Universidade de Iowa localizou uma região no lóbulo frontal que parece controlar esse comportamento.
Segundo os cientistas, o hábito de guardar coisas que não usamos está ligado à Desordem Obsessiva-Compulsiva (DOC), mas ainda não se sabe o que o desencadeia ou se é uma condição única.
O estudo, publicado no jornal especializado Brain, salienta que há cada vez mais evidências de que tal comportamento tem seu próprio mecanismo.
Correspondência
DOC é uma desordem de ansiedade em que a pessoa é coagida por medos irracionais ou determinados pensamentos a repetir ações.
Pode manifestar-se em hábitos como lavar as mãos excessivamente, estar sempre limpando a casa ou checar alguma coisa constantemente.
Mas algumas pessoas têm uma compulsão por guardar coisas – um hábito que vai além do comportamento de um colecionador.
Pesquisadores da Universidade da Califórnia já mostraram que as pessoas com DOC que também acumulam coisas inúteis têm uma atividade cerebral diferente dos demais pacientes com DOC.
Para entender melhor a causa desse comportamento, Steven Anderson e sua equipe analisaram 13 pessoas que desenvolveram tal compulsão após terem sofrido um dano cerebral.
Eles definiram o hábito como anormal caso ele fosse extensivo, as coisas guardadas não fossem úteis ou bonitas e se a pessoa não estava disposta a se desfazer de sua coleção.
Alguns dos pacientes, por exemplo, encheram suas casas com correspondência inútil ou ferramentas quebradas.
Os pesquisadores escanearam os cérebros dos pacientes e compararam com outros 73 pacientes que sofreram danos mas que não apresentavam hábitos anormais.
Terapia
Anderson disse ter encontrado uma diferença óbvia.
“Danos na parte do lóbulo frontal do córtex, particularmente no lado direito, foram encontrados nos indivíduos com comportamento anormal”, contou o pesquisador.
“Pacientes com DOC e outras desordens, como esquizofrenia, Síndrome Tourette e certas demências, podem ter comportamento patológicos similares, mas não sabemos onde o problema está ocorrendo dentro do cérebro.”
Naomi Fineberg, especialista em DOC do Hospital Queen Elizabeth, na Grã-Bretanha, disse: “Esses estudos, que ainda são iniciais, estão começando a confirmar que acumular coisas inúteis pode ser diferente da DOC”.
“Quanto mais entendermos sobre a neurobiologia desse comportamento, mais poderemos pensar em como tratá-lo”, comentou a cientista.
Mas Paul Salkovskis, do Instituto de Psiquiatria, do King’s College, em Londres, discorda: “Identificar qual a área do cérebro é afetada não ajuda você no tratamento de forma alguma”.
“Não há evidências de que qualquer diferença biológica entre esses pacientes. A resposta é terapia comportamental cognitiva.”

Via ZAMBEZIA ONLINE